Um pouco sobre África antiga!!

Introdução à História da Civilização: O Reino de Koya, Temne Koya ou Temne Unido (1505-1896)

 

 

O reino de Koya foi um estado Africano  pré-colonial  no norte da atual Serra Leoa fundado pelo grupo étnico Temne ou por imigrantes do norte em torno de 1505 em busca de comércio com o litoral Português, no sul.  Sua capital era no Cabo Monte no que hoje é moderna Libéria 

O reino foi governado por um rei chamado Bai Ou Obai e tinha sub-reinos que era governados por nobres intitulado de  “Gbana” que mantiveram relações diplomáticas com os britânicos e franceses no século XVIII, pois os filhos dos nobres podiam buscar ensinos ocidentais no exterior. Koya também tinha negócios com os Estados islâmicos ao norte e também tevemuçulmanos dentro de suas fronteiras.

                Koya participou do comércio transatlântico de escravos que faziam negociações na costa de Koya, às vezes, mesmo contra a vontade do Reino.
Entre 1801 a 1807, Koya lutou contra os colonizadores britânicos e Susu perdendo o litoral norte de Serra Leoa para os britânicos e Port Loko para Susu, no entanto, eles mantiveram o poder na região. Em 1815, os Temne lutaram uma guerra contra Susu e recuperou Port Loko. Em 1841, os Temne derrotaram a tribo Loko de Kasona no Rio Mabaole e em seguida
dispersou muitas das pessoas

 em resposta a um bombardeio britânico, o reino expulsou os Sociedade Missionária da Igreja missionários que operam em Magbela em 1860.  Em 1860 em resposta a um ataque britânico, o Reino expulsou os missionários que trabalhavam em Magbela.

O reino tornou-se um protetorado britânico em 31 de agosto de 1896 depois que os reis de Koya perderam praticamente todo o poder. As revoltas dos Temne e Mende, em 1898 foram ferozes, mas inúteis. Os britânicos governam a área do antigo reino até 1961.

Uma opinião sobre “Um pouco sobre África antiga!!

  1. Apesar de introdutório, seu texto traz a tona informações interessantes acerca do processo de “colonização”, que servem para pensar a ocupação europeia nos países africanos e asiaticos, tais como: seriam os povos destes continentes tão “primitivos”que não puderam resistir ao assedio europeu, teoricamente superiores tecnologicamente? qual a verdadeira relação entre estas duas esferas culturais? até que ponto os povos africanos e asiaticos(considerando toda a diversidade cultural e tecnologica que certamente havia entre eles) resistiram, e qual o discurso por tras da aparente passividade destes povos retratados em, por exemplo, livros didáticos?
    apenas algumas sugestões, mas parabéns por trazer a tona a historia em boa parte esquecida desta pequena nação guerreira africana.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: